Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

folhasdeluar

Poesia e outras palavras.

folhasdeluar

Poesia e outras palavras.

Como se a farsa da vida se desenrolasse ali...

Imaginei os corpos fragmentados pelas armas de guerra
Imaginei os corpos que aqueles braços jamais apertarão...
Imaginei os seios vestidos de esperança...que os aleitaram..
Imaginei a luz do céu transtornada... pelo ódio...
Que transformou belos corpos....em despojos inúteis e esvaídos de vida
Imaginei as horas passadas a amar...inacabadas...
As esperanças...
A vida transformada por fantasmas loucos e esquizofrénicos...
Numa massa obscena e cruel...
Imaginei as pernas cruzadas a apertar os rins..a respiração suspensa...
Imaginei aqueles rostos apertados por um ritual de sangue e dor
Os olhos abertos... secos... por chispas vermelhas de fogo
Que impassíveis e incandescentes …atravessaram a matéria...sem dó...
Alagando de sangue o chão.... com os seus anseios de paz...
Como se a farsa da vida se desenrolasse ali...
Numa voluptuosa...absurda e sanguinolenta...ampola de vidro...
Fechada aos olhos do mundo!