Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

folhasdeluar

folhasdeluar

Lembranças

Ainda consigo lembrar-me da paixão que sentia Quando o mar me desanuviava a cegueira Ainda me recordo da voz que ecoava Na rubra maresia da tarde. Havia chamas imensas Insaciáveis apelos (...)

Vértices

No líquido dia rebentei como um triunfo da primavera Olho as algas e flutuo em reminiscências de infância Subterrâneos silêncios são meus cúmplices Desgastam as ondas...iludem Côncav (...)

Poeira

Naquele dia o nosso silêncio ficou parado na folhagem do mar Havia calor e os barcos mergulhavam as proas em brilhos e firmamentos Da névoa desceram as brancas areias... Inocentes chuvas (...)