Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

folhasdeluar

Poesia e cenas do dia-a-dia

folhasdeluar

Poesia e cenas do dia-a-dia

A pedrada

Ali vai a eternidade

Enlaçada no colo de uma mulher

Em si desperta o tempo do sonho e do caos

Além inventam imagens inexplicáveis...falas gastas

Coros de músicas impossíveis

É a vida...a paixão

A pedrada que acerta no corpo gasto

O futuro esconde-se no esvaimento do riso

Resta-te pouco...bem pouco

Talvez encontres um céu

Que te compreenda

Ou que não se esconda...

7 comentários

Comentar post