Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

folhasdeluar

folhasdeluar

Alentejo da minh`alma - os ciganos

11-06-2016 158.jpg


 


Filhos do vento emergindo na planície como uma linguagem intemporal


Sabem a fome... a seios ...a dores submersas...a liberdade


O hálito quente do alentejo acaricia-os como uma língua sussurrante


Vagueiam por entre sóis e nevoeiros..sabem os segredos dos trigais..das noites quentes


Fundem-se na planície como crianças dançando nos raios das estrelas...


Que ardem num céu sem fundo


Pássaros sem gaiola...mãos sem algemas...pairam sobre todas as ambições


Enquanto nós definhamos na ratoeira negra dos dias incendiados...


 

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.