Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

folhasdeluar

folhasdeluar

CÂNTICO 1


É preciso encontrar a palavra transparente


Aquela que atravessa a nostalgia..aquele som que atravessa o céu-da-boca


Aquela palavra que arde em todos os tempos sem fazer ruído


Como uma janela sobranceira ao castanheiro cujos ouriços picam o chão


E nessa palavra renasceremos...


Como se fôssemos o calmo balir de um dia ensolarado...


Onde os nossos grilhões se deitam em sossego.


 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.