Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

folhasdeluar

Poesia e outras palavras.

folhasdeluar

Poesia e outras palavras.

Como se nós amássemos a nós mesmos

Emerge a tua imagem das páginas brancas

Olhos sentados em ti

Livro escaldante de cor que atravessa o tempo

Cegos rios que te levam

Desfilam por mim todos os idiomas

Quero que os ecos te falem

Que acredites que os espelhos são águas claras

Por onde passam os restos de nós

Do rio emergem estradas

Onde faltam os teus olhos claros

Harmonias de mundos

Que estendem os seus ramos sobre a paisagem

Nascimentos cruzados que levam a estradas infinitas

Como nós mesmos

Que somos donos da suavidade

Que cria todos os martírios

Que nos faz crer que somos pessoas

Emergindo do escuro...amando os outros

Como se nos amássemos a nós mesmos...

2 comentários

Comentar post