Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

folhasdeluar

folhasdeluar

Êxtase...

Vejo o teu corpo encharcado em volúpia

Vejo o espanto que se ergue...como a voracidade das aves

E vejo as coisas sem forma soerguerem-se nas suas asas

Não há tristeza nos corpos que se roçam

Não há mitos que façam milagres...nem há pão nos beijos Divinos...

Podemos acenar aos pensamentos..às flores..à lama...

Podemos colher o fogo...como um trigo imenso...

Podemos ser tiranos empunhando archotes

Ou ventos erguendo as almas da sombra...

Mas viveremos sempre no êxtase do grito recusado.

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.