Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

folhasdeluar

folhasdeluar

Instintos

 

Tenho o instinto de um navio que nunca naufraga

Tenho a promessa de ser circulação de sangue a estoirar no garrote da alma

E mesmo que venham chuvas...que aumentem as distâncias...

Que os signos se deleitem com a oclusão de um martírio

Que a chuva traga os instantes em que insano bebo a sua água errante

Terei sempre dentro de mim a atrocidade de um santuário...