Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

folhasdeluar

folhasdeluar

Liberdade#2

Hoje inventei um tempo novo

Hoje lembrei-me do dia frio e límpido

Hoje desenhei um jardim esquecido

Hoje fiz de mim um pássaro altaneiro

E não há memória ou luz que se apaguem

Não há grilhetas nas coisas que escrevo

Há apenas alma e palavras claras

Há apenas a vontade

De querer sentir sempre... mais e mais

De querer ter sempre...dentro de mim...

A fúria de viver em... liberdade...