Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

folhasdeluar

folhasdeluar

Mulheres de negro

Mulheres de negro...retratos de asas feitas de fumo

Mulheres que voam por dentro de um tempo feito de solidão

Mulheres que geram filhos...que inventam céus

Como se ousassem ser eternas.

 

Ali vai a eternidade enlaçada no colo de uma mulher

Em si desperta o tempo do sonho e do caos

Além inventam  imagens inexplicáveis...falas gastas

Coros de músicas impossíveis

É a vida...a paixão...a pedrada que acerta no corpo gasto

O futuro esconde-se no esvaimento do riso

Resta-te pouco...bem pouco...talvez encontres um céu...

Que te compreenda...ou que não se esconda...