Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

folhasdeluar

folhasdeluar

Rugido de fogo

Intemporal resina colada nas pálpebras do infinito

Ao lado dos caminhos do cérebro

Hilariantes rajadas de belos pensamentos

No outro o cordame da alma apensa aos dias

Gémeo coração de alabastro

Parada de pessoas caiadas de branco

Escuro de vala comum onde desembocamos

Bestial rugido de fogo...que nos consome.

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.