Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

folhasdeluar

Poesia e cenas do dia-a-dia

folhasdeluar

Poesia e cenas do dia-a-dia

Se o tempo parasse o homem seria eterno?

Se o tempo parasse o homem seria eterno? Claro que não, a vida não pára e mesmo que não existisse tempo, haveria sempre um começo e um fim para o homem. Podemos dizer que a nossa morte é a antecipação do nosso futuro. O homem vive em ciclos em círculos e em rectas. Nas rectas está o saber empírico que carregamos de geração em geração, nos círculos está a nossa vida há um princípio e um fim e nos ciclos estão as gerações que nos precedem e a morte é o ponto derradeiro da substituição de gerações. Diz-se que o homem é o único animal que conhece o seu fim, mas porque é que, quando um animal é perseguido por outro ou pelo homem, foge? Saberá esse animal que vai morrer? Conhecerá esse animal a morte? Não sabemos, apenas sabemos que quando um animal que nos pode matar... nos persegue...também fugimos, porque é esta a nossa natureza de animais, fugir do perigo, e não fugir da morte...