Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

folhasdeluar

folhasdeluar

Fusão

Atrás de mim...o longo hábito da tua sombra. Paciente...espero uma palavra. Um discernimento. Uma explosão de lusco-fusco. Atrás de mim...a cristalização das recordações. A silenciosa (...)

Erguem-se as pedras..

Erguem-se as pedras...derrubam-se as árvores Os olhos dos homens andam nus As almas entrelaçam-se em lianas de declínio E tu despedes-te de mim...como um pêndulo oscilante Como uma (...)

Fechei a porta

Fechei a porta. Colapsei. Senti-me um denso deus menor. As folhas da infância desvaneceram-se. A realidade era um frio debruçado sobre a luz gradativa da tarde. Aprendi a juntar as mãos. Os (...)

O tempero da alma

As ruas estão ali. Os segredos estão ali. Apetece-me dizer tudo o que me vem à cabeça. Mas também me apetece ficar longe das palavras e ficar-me só pelos gestos. Tocar no amor. Apontar o (...)

Vastidão

Construímos enfáticas estéticas. Cumprimentamos os privilégios e os privilegiados. Desvendamos os segredos das sínteses e das sintaxes. Procuramos ser o melhor dos mundos. Como pêndulos (...)

O tempo de cada um

Entre o espaço e os olhos pulsam sombras cinzentas. Formas movem-se por dentro de uma redoma de vidro. Mas são pessoas ou objectos com nomes de pessoas. São claridades que nos chegam de um (...)