Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

folhasdeluar

folhasdeluar

Encerrar as contas..

  Encerrar as contas...procurar no tempo a eternidade Construir breves formas...esquecer a carícia das saudades É isso que chamo...incendiar as flores...renascer noutro caminho...ocupar o espaço

Vazios...

  Tirei de dentro de mim tudo o que não prestava Os apertos no coração...os fantasmas primaveris... O emaranhado dos sentidos...a fome de ser mudança Tornei-me naquilo que sempre quis... Me (...)

Amanhã..

Amanhã não sei o que farei Talvez desate em mim o tempo Talvez abafe em mim o tempo Talvez corra em direcção a nada Talvez guarde um poema na gaveta. Alguém me diz que devia (...)

Um outro tempo

  Falta-me qualquer coisa que não sei Talvez uma vaga...uma manhã...um sol a aquecer-me o olhar Falta-me uma árvore onde possa descobrir as raízes dos dias Posso dizer que já vi muita (...)

A paz...

Se eu soubesse dizer-te quais são os caminhos por onde vagueiam os sonhos Se eu soubesse penetrar na secreta elegia dos silêncios Ouviria certamente os suspiros das pedras ecoando nos (...)

Quem sabe!

  Tenho uma cadeira onde sento os sonhos Tenho um peito onde escondo as sombras Tenho uma secreta esperança de um dia poder crescer dentro de uma carícia E fazer de mim um elíptico mar onde (...)

Procuro-me

Procuro-me por entre frases e poemas Procuro saber onde me perdi...que conspirações ergui Que espada desembainhei Procuro saber o que nasceu em mim...que mares descobri Com que asas voei   S (...)

Apenas ele...

Para onde irá quem não sabe para onde vai? Pés calçados...fumo de poeira...gelo nas traves de madeira Solitário persegue o aroma da alfazema Desconhecido....ergue o cálice da bebida Os (...)

Máscara!

Amanhã...deixarei os meus pés marcados no pó do sossego Amanhã...farei de cada sonho gasto uma escultura Porém...sei que nas minhas mãos não nascerão flores E que o espaço é uma (...)

Há dias

Há dias que o vento é mais longo que o normal Há dias em que o sol açoita a febre das papoilas Nesses dias....sentamo-nos na sombra mais longa do passeio Aproveitamos os pequenos gestos de (...)