Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

folhasdeluar

folhasdeluar

Gastos são os sonos

Tudo tem o seu lugar, a janela e a luz, o corredor onde dissonam passos e mesmo as coisas que a vida esconde. Tudo tem o seu início, o sonho, as estradas, e até as promessa de amores (...)

Do fundo de mim

Estou de frente para o vazio áspero do mar No céu vê-se um segredo de chuva a empoeirar o ar Bebo toda aquela fantasia manchada pela luz difusa da manhã E vejo os teus olhos pálidos a (...)

Caixas rápidas

  Todos conhecem nos supermercados as chamadas caixas rápidas, onde está,num balcão  em frente, uma senhora de olhar apagado e apático, a ver se precisamos de ajuda para fazer o trabalho (...)

Em todas as ruas

Em todas as ruas há uma espuma esquecida Boca de coração a fingir espasmos de amor Pairas onde nenhuma água brota... como uma pele pálida e seca Onde as sombras vão beber a ternura de (...)

É o vento...

Perfume de mortos a acariciar a terra A brisa sopra sobre uma felicidade cinzenta Das margens do tédio erguem-se anos de fumo É isto a vida.... Um sol que desce em ziguezague por entre a (...)

Que farei...

  Vivo como um solstício indestrutível Como um silêncio aberto nas fendas da vida Como uma pele cansada que crepita num corpo de noite incauta Que farei dos meus sonos se um rio (...)