Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

folhasdeluar

folhasdeluar

Bebo o mundo..

Bebo o mundo...fixo os olhos...e ali estou Sou a pedra rugosa do silêncio...onde me sento para falar.. Comigo.   Deixo-vos aqui o meu retrato...a minha alma submersa Sei que todos têm (...)

As horas vazias..

As horas vazias...as tardes encantadas Sagrada fonte esquecida na noite Penumbra...janela iluminada... O corpo cobre-se de palavras... E a vida escorre pelas linhas desfocadas   Semente de (...)

Porque somos água.

A vida continua a escrever-se mesmo quando estamos sentados ou pensativos. A vida caminha por becos e saguões, por luzes e miradouros, por jarras  onde camélias de plástico disfarçam a (...)

A floração dos corpos

  Acordo e alguém me diz: envelheceste A noite condensou-se no gelo que bebeste O corpo permaneceu...sagrado Por fora...coberto de presságios...por dentro... Rasgado.   Imóvel...intacto... Sement (...)

Estilhaço...

  Hei-de trazer-te um dia a pedra onde encerrarás as palavras Por ti carregarei o infinito como se ele fosse algo mais que uma sombra   Construí um tempo no coalho dos teus lábios E nem (...)