Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

folhasdeluar

folhasdeluar

Toda a vida é um acrescento de emoções...

Fiz-me silêncio e aconcheguei-me no sussurro da noite
Não estranhei quando tu entraste...eras de novo a emoção
Ruído Ocidental e de todos os pontos cardeais...acidental..
Os caprichos jaziam inertes...as ameias tinham sido violadas...
O sangue passou a circular velozmente...ferozmente...
As emoções quentes refugiaram-se na sombra
A calma saiu da reclusão...
E o espaço ganhou uma fabulosa seriedade
Delimitada a solidão...escolhida a área a preservar...
Sobrevoámos a nossa convalescença...
E aterrámos numa eira distante...
Onde separámos os cereais inexplicáveis...
E onde as explicações eram uma estranheza inerte.
Tudo foi acrescentado e tudo foi sereno...
Porque toda a vida é um acrescento de emoções...